Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Região Norte teve o maior crescimento populacional do país na última década

Manaus está no topo da lista entre os municípios com mais de um milhão de habitantes com maior crescimento populacional  do país

Manaus vista de cima demonstra seu crescimento populacional

Manaus vista de cima demonstra seu crescimento populacional (Euzivaldo Queiroz)

Novos números do Censo 2010 do IBG apontam que as maiores taxas médias geométricas de crescimento anual foram observadas nas regiões Norte (2,09%) e Centro-Oeste (1,91%), onde a componente migratória e a maior fecundidade contribuiram para o crescimento diferencial.

Entre os 15 municípios com mais de 1 milhão de habitantes, os que mais cresceram em dez anos foram Manaus e Brasília.

Manaus chegou a uma população de 1.802.014 pessoas em 2010, atingindo uma taxa de 2,51% ao ano.

A capital amazonense passou de nono para sétimo mais populoso.

As capitais das regiões Norte e Nordeste cresceram mais que os demais municípios de suas respectivas Unidades da Federação, com exceção do Pará, Maranhão, Rio Grande do Norte e Pernambuco.

Palmas, capital do Tocantins, foi a que mais cresceu no Brasil. Ela apresentou uma taxa de 5,21%, enquanto os demais municípios do estado cresceram 1,25% ao ano.

População

Norte (8,3%) e Centro-Oeste (7,4%) continuam aumentando a representatividade no crescimento populacional, enquanto as demais regiões mantêm a tendência histórica de declínio em sua participação nacional.

As dez Unidades da Federação que mais aumentaram suas populações em termos relativos se encontram nessas duas regiões, com destaque para Amapá e Roraima, que apresentaram um crescimento médio anual de 3,45% e 3,34%, respectivamente.

Por deter o maior contingente populacional, o Sudeste foi responsável pela maior parcela do incremento populacional em termos absolutos, tendo absorvido 37,9% do crescimento total do País entre os dois últimos censos.

O segundo lugar em importância correspondeu ao Nordeste, cujo peso no incremento populacional entre 2000 e 2010 alcançou 25,5%.

Essas duas regiões detiveram 63,4% (13,3 milhões de pessoas) do total do incremento da população na última década.

As regiões mais populosas foram a Sudeste (com 42,1% da população brasileira), Nordeste (27,8%) e Sul (14,4%).

Os estados mais populosos do Brasil – São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Bahia, Rio Grande do Sul e Paraná – concentram, em conjunto, 58,7% da população total do País.