Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Operação Comunidade Vigilante 11 foi deflagrada na Zona Norte

Cerca de 35 policiais civis e 28 policiais militares participaram da operação coordenada pelo delegado adjunto da 2° Seccional Norte, Paulo Sobral

Homens são presos por tráfico de drogas após denúncias ao 181

Homens são presos por tráfico de drogas após denúncias ao 181 (Winnetou Almeida)

A operação Comunidade Vigilante 11 foi deflagrada na zona norte de Manaus, a manhã desta quinta-feira (20). A ação é coordenada pela 2° Seccional Norte, com apoio de 35 policiais civis e 28 policiais militares em cumprimento de seis mandados de busca e apreensão.

Eldon Cascaes da Costa, 28,  foi preso na rua 13, n° 36, bairro Monte Sinai com oito papelotes de cocaína, R$ 70 e um celular. No depoimento Eldon afirmou que compra as drogas de Sostines Theófilo Lima Benevides, 25, que também foi preso na rua 9, n° 92, no mesmo bairro. Com ele foram apreendidos 17 papelotes de maconha e um pacote de semente da erva. As prisões foram em cumprimento de mandado de busca e apreensão, expedido pelo juiz Mauro Moraes Antony da 3° Vara do Tribunal do Júri. A polícia investigava a dupla após denúncias anônimas ao Disque Denúncia 181.

Ronda no Bairro

O programa Ronda no Bairro completou oito meses de atuação na zona Norte e obteve resultados positivos contra a criminalidade da área. A redução é significativa com resultados positivos de menos 16% de homicídios, 45% de tentativa de homicídios, 37% de roubo e 22% de furto.

Outros números obtidos depois da implantação do programa e com a presença efetiva da polícia também promoveram desarticulações de pontos de venda de drogas. Comprovados no índice de aumento das prisões com 66% por tráfico de drogas, 51% por porte e uso e 26% na apreensão de armas de fogo.

Segundo o delegado geral, Josué Rocha, a integração entre as polícias Civil e Militar e a parceria com a comunidade são fundamentais.

“Estamos certos que os números alcançados na zona norte foram conquistados pela dedicação de todos os envolvidos. O Governo que investiu, os profissionais que se dedicaram e a população que acreditou e deu um voto de confiança a polícia”.

Nas dez edições da operação Comunidade Vigilante, 60 pessoas foram presas por tráfico de drogas e associação, homicídio, porte ilegal de arma de fogo, roubo, furto e formação de quadrilha. Drogas entre maconha, pasta-base e cocaína, foram apreendidas, nove armas de fogo e 33 artefatos, como material para confecção de droga, televisores, celulares entre outros objetos foram apreendidos.